preloder
facebook instagram linkedin youtube

NOTÍCIAS

18/11/2020

Centro de Hemodinâmica do HAS permite técnicas menos invasivas e recuperação mais rápida em pacientes com doenças cardiovasculares.

Hemodinâmica, ou Cardiologia Intervencionista, é uma subespecialidade da cardiologia que estuda e identifica obstruções das artérias coronárias. Também avalia o funcionamento das válvulas e do músculo cardíaco com a finalidade de diagnosticar uma possibilidade de infarto agudo do miocárdio ou determinar a exata localização da obstrução que está causando esse infarto.

Através de técnicas como cateterismo cardíaco, angioplastia coronariana com implante de stent, ultrassom intracoronariano, prova invasiva de isquemia, aterectomia rotacional, tratamento percutâneo de doenças valvares e estruturais, entre outras, a Hemodinâmica reduz a taxa de eventos adversos e complicações e, ainda, por se tratar de técnicas menos invasivas e menos agressivas, o tempo de recuperação do paciente cardíaco.

“A medicina evoluiu muito rapidamente ao longo das últimas décadas. Hoje, no centro de hemodinâmica, é possível realizar diagnósticos e tratamentos de maneira minimamente invasiva. Com anestesia local, através de uma simples punção no punho, é possível fazer mais de 95% dos procedimentos diagnósticos e terapêuticos cardíacos e, em muitos casos, sem a necessidade de internação”, explica o Dr. Fernando Matheus, Médico Cardiologista e Coordenador do Centro de Hemodinâmica do Hospital Albert Sabin (HAS), de São Paulo.

Portanto, os métodos hemodinâmicos representam um grande aliado para a cardiologia. Ao diagnosticar e localizar uma obstrução arterial por meio de cateterismo, por exemplo, é possível realizar rapidamente o procedimento mais adequado.

Segundo dados da Sociedade Brasileira de Cardiologista (SBC), do início do ano até o presente momento, o país já conta mais de 350.000 mortes por doenças cardiovasculares, sendo a principal causa de mortes no Brasil.

Reunindo toda a estrutura necessária e profissionais experientes e habilitados, o Centro de Hemodinâmica do HAS realiza todos os procedimentos relacionados à cardiologia intervencionista, com toda a segurança e confiança que somente um grande hospital pode oferecer.

“Com o avanço técnico da cardiologia, o centro é capaz de realizar não apenas o tratamento minimamente invasivo de doenças cardiovasculares, mas também o seu diagnóstico precoce, o que melhora e muito o prognóstico. Essa é a principal vantagem da Hemodinâmica”, finaliza o Dr. Matheus.

Fonte: MCAtrês